Dia a dia

Queiroga diz que não comenta atitudes de Bolsonaro sobre uso de máscara

Manaus/AM – Em depoimento na CPI da Pandemia nesta terça-feira (8), o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga chegou a dizer que não é censor do presidente para comentar a postura pessoal de Bolsonaro no enfrentamento à pandemia, promovendo aglomerações e não usando máscaras.

Mais cedo, o ministro foi questionado pelo relator, Renan Calheiros (MDB-AL), a respeito dos protocolos de saúde contra covid que são ignorados por Bolsonaro.

Queiroga disse que já falou com Bolsonaro sobre uso de máscara e aglomerações mas afirmou que não faria juízo de valor em relação à postura do presidente. “Isso é um ato individual, senador. Eu estou aqui como ministro da Saúde para ajudar o meu país. É esse o meu objetivo”, disse Queiroga.

Em seguida, após ser questionado sobre a nomeação da infectologista Luana Araújo, incentivo ao uso de cloroquina, que não é oficialmente comprovado e sobre a realização da Copa América no Brasil, Queiroga foi novamente confrontado sobre atitudes de Bolsonaro.

“O compromisso é individual; o benefício é de todos. Reitero aqui perante os senhores. O médico tem obrigação de meios, não tem obrigação de resultados. E o meu meio é a minha voz e usarei”, continuou Queiroga.

Fonte: Portal do Holanda

Postagens relacionadas

Wilker anuncia emenda de R$ 500 mil em investimentos na saúde de São Sebastião do Uatumã

Danilo Andrade

Veja como vai funcionar o comércio no Dia do Trabalhador, em Manaus

O Amazones

Semed abre período de transferência de alunos da rede pública, a partir de segunda-feira (15)

O Amazones
error: Content is protected !!