Amazonas

Vacinação de pessoas de 50 a 54 anos inicia, no sábado (3)

A vacinação de pessoas de 50 a 54 anos com doenças preexistentes iniciará, a partir do próximo sábado (3). A imunização será aplicada em adultos nessa faixa etária que tiverem diabetes mellitus, obesidade mórbida (IMC > 40) ou cardiopatias.

Os que se enquadram nessas condições de saúde e idade devem buscar um dos sete pontos de vacinação da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), em funcionamento das 9h às 16h, nas quatro zonas geográficas da capital.

Nesta semana, podem se vacinar pessoas com comorbidades entre 55 e 59 anos, além de todos os idosos a partir de 60 anos.

A prefeitura orienta que as pessoas desse grupo devem se cadastrar no site Imuniza Manaus, dentro do campo “Comorbidades”. O cadastramento indicará hora e local de atendimento ou no campo “consultar 1ª dose”.

O cadastro prévio é indicado para agilizar o atendimento. No entanto, a pessoa que não conseguiu se cadastrar pode se dirigir a um dos pontos de vacinação, que o cadastro será feito na hora e a vacina, aplicada.

Até o início desta quinta-feira (1º), cerca de oito mil usuários estavam agendados para receber a vacina no próximo sábado.

Laudo médico

Para ser vacinada, a pessoa deve apresentar laudo (original e cópia) que comprove a doença preexistente, além de documento de identificação com foto e CPF.

No caso dos diabéticos, é válido como documento de comprovação receita médica (original e cópia) do SUS ou da rede particular.

E para os que têm obesidade mórbida, pode ser apresentada declaração (original e cópia) de comprovação de IMC (índice de massa corpórea) igual ou maior que 40, emitida por profissional médico ou por qualquer outro profissional da saúde, de nível superior, como enfermeiro, nutricionista, farmacêutico e educador físico.

Serão vacinados adultos com os seguintes problemas de saúde:

Diabetes mellitus; obesidade mórbida; cardiopatias; insuficiência cardíaca (IC); cor-pulmonale e hipertensão pulmonar; cardiopatia hipertensiva; síndromes coronarianas; valvopatias; miocardiopatias e pericardiopatias; doenças da aorta, dos grandes vasos e fístulas arteriovenosas; arritmias cardíacas; cardiopatias congênitas no adulto; próteses valvares e dispositivos cardíacos implantados.

Trabalhadores da Saúde

A campanha também continua para a segunda dose dos trabalhadores da saúde, cujo atendimento é feito exclusivamente na Escola de Enfermagem, da Universidade Federal do Amazonas (Ufam).

Não devem procurar os postos as pessoas que estão com alguma doença na fase aguda, inclusive síndromes gripais. Para esses, a recomendação é esperar até a completa recuperação.

Quem está com Covid-19 ou teve a doença recentemente precisa aguardar 30 dias após os primeiros sintomas sanarem, para ser vacinado.

Postos de vacinação contra Covid em Manaus, das 9h às 16h:

  • Centro Estadual de Convivência da Família Padre Pedro Vignola (Rua Gandu, 119, Cidade Nova)
  • Centro Cultural dos Povos da Amazônia (Avenida Silves, 2.222, Crespo)
  • Universidade Paulista (Unip) (Avenida Mário Ypiranga Monteiro, 3.490, Parque 10 de Novembro)
  • Universidade Nilton Lins (Avenida Professor Nilton Lins, 3.259, Flores)
  • Clube do Trabalhador do Sesi/AM (Avenida Cosme Ferreira, 7.399, São José)
  • Balneário do Sesc/AM (Avenida Constantinopla, 288, Alvorada)
  • Centro de Convenções de Manaus (sambódromo) (Avenida Pedro Teixeira, 2.565, Dom Pedro, zona Oeste)

*Com informações de G1

Postagens relacionadas

Semsa emite nota e diz que não houve falha durante aplicação de vacina

Danilo Andrade

No Dia Internacional da Enfermagem, Wilker afirma que classe é maltratada por um Governo que atrasa salários, não paga direitos trabalhistas e pelas condições precárias de atuação

Danilo Andrade

Amazonastur e alunos do curso de Turismo da UEA discutem sobre perspectivas do setor no estado

Danilo Andrade
error: Content is protected !!