Política

Mayara Pinheiro desiste da vaga na CPI da Saúde e

A deputada estadual Mayara Pinheiro (PP) disse que abre mão da vaga de membro titular da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Saúde e o Mandado de Segurança, recurso que o Progressista ingressou no Tribunal de Justiça do Estado do Amazonas (TJAM) para garantir um lugar na comissão, vai prosseguir sem o nome dela, conforme a assessoria de imprensa da legisladora.

Para a parlamentar, recurso do Progressistas não tem mais sentido, porque a comissão já deu início aos trabalhos. “Não tenho interesse de participar da CPI como membro titular. Abro mão até mesmo em respeito aos colegas que já iniciaram o trabalho e eu acredito que farão com ética e dentro da legalidade”, afirmou na sessão plenária desta terça-feira, 23.

Além da deputada, estão no PP os deputados Belarmino Lins, líder do partido e quem indicou Mayara Pinheiro à CPI da Saúde, e o Álvaro Campelo. OAmazonês entrou em contato com o a assessoria dos demais parlamentares para saber se o partido irá desistir da vaga, os assessores informaram que darão a resposta em breve.

Postagens relacionadas

Realização de concurso público para tradutor e intérprete de Libras no Amazonas é rejeitada na Aleam, após emenda de Wilker Barreto não ser aprovada

Danilo Andrade

Deputado Wilker vai ao Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM) pedir celeridade dos processos de sua autoria que estão tramitando na Corte

Danilo Andrade

Sem previsão orçamentária, Censo não será realizado em 2021, afirma Governo

Danilo Andrade
error: Content is protected !!