Bastidores do Poder

Marcelo Ramos não confirma candidatura à presidência da Câmara, mas também não nega

Cogitado pelos próprios colegas de parlamento como um dos possíveis nomes para a sucessão do atual presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), o deputado federal Marcelo Ramos (PL) não confirma – nem nega – que haja interesse ou mobilização para o pleito, que ocorre apenas em 2021.

Para o parlamentar, adiantar publicamente qualquer ação neste sentido pode contaminar o ambiente político da Câmara e dificultar a aprovação de medidas necessárias ao país, especialmente no período pós-pandemia. Marcelo Ramos admite, contudo, que muitos deputados de diferentes estados do país têm sugerido o nome dele como um eventual nome forte para a candidatura.

“É muito cedo pra adiantar qualquer processo sobre a sucessão do presidente Rodrigo Maia. Mas fico feliz que vários colegas deputados de vários Estados da Federação cogitem meu nome como um dos nomes possíveis para a sucessão, até pelo diálogo que tenho com todos os setores da Câmara dos Deputados”, afirmou o parlamentar.

Amigo de todos

O deputado afirma que mantém diálogo permanente com todos os setores da Câmara, incluindo a base governista, os partidos do centro e parlamentares da oposição, o que tem facilitado o trânsito de debates sobre projetos em andamento no plenário.

“Dialogo com a bancada de esquerda, mesmo com os governistas, com o centro, até por ter sido responsável por temas importantes da Casa e ter conseguido entregar sem muitos projetos sem conflitos. Mas acho que a hora é de ter prudência. Adiantar o processo eleitoral significa criar um ambiente ruim quando a gente precisa no pós-pandemia aprovar as medidas que o país precisa. Então, nós vamos conversando, dialogando, mas com muita prudência e não antecipando o processo”, afirmou.

Postagens relacionadas

Empresas Reviver e Synergye vão receber mais de R$ 500 milhões do Governo do Amazonas para cuidar do sistema prisional

Danilo Andrade

As vozes abafadas no “deserto da Aleam” foram ouvidas no STJ

Danilo Andrade

Justiça ordena suspensão de contrato de aluguel de jatinho de R$ 9,3 milhões do Governo do AM

Danilo Andrade
error: Content is protected !!