Amazonas

Governo Wilson Lima paga R$1 milhão para empresa suspeita de superfaturar exames médicos

No olho do furação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Saúde, a empresa com mil e uma utilidades, situada em uma oficina mecânica e com uma proprietária e um ex-dono que se negaram a responder as perguntas dos deputados que compõe a CPI, a Norte Serviços Médicos LTDA, de CNPJ nº 17.706.732.0001/02, já recebeu mais de R$ 1,2 milhão do Estado do Amazonas só em 2020, segundo o Portal da Transparência do Amazonas.

A Norte passou a ser investigada pela CPI Saúde por fazer parte do grupo de empresas que prestou serviço no hospital de campanha da Nilton Lins, no período da pandemia do novo coronavírus. Depois das oitivas, os membros da CPI entenderam que a atual e o antigo dono da LTDA são ‘laranjas’. Somado a isso, a comissão verificou que, em 2017, a Norte, a serviço do Estado, superfaturou exames ginecológicos em três cidades do interior do Amazonas.

Vai para o bolso da Norte

Na gestão de Wilson Lima (PSC) este ano, a Norte recebeu cerca de R$ 455 mil, via Hospital e Pronto Socorro da Criança – Zona Oeste, e mais, aproximadamente, R$ 821 mil por meio do Serviço de Pronto Atendimento e Hospital Dr. Aristóteles Platão Bezerra de Araújo, de acordo com o Portal da Transparência.

Além do valor pago, a empresa ainda pode receber R$ 251.181,71, total empenhado pelo Hospital e Pronto Socorro da Criança – Zona Oeste, pelo serviço de Prestação de Serviço de Conservação e Limpeza Hospitalar, a origem do dinheiro, segundo as Notas de Empenho, é o Fundo Estadual de Saúde (FES).

Já por meio do SPA, a Norte tem direito a receber R$ 26.588,66, empenhados e liquidados, faltando só o pagamento, também pelo serviço de limpeza e conservação, segundo a Nota de Empenho 2020NE00214. Antes, já recebeu dois valores, pelo mesmo serviço, uma Nota de R$ 597.368,85 e outra de R$ 398.269,90. Tudo com o dinheiro do FES.

Confira os documentos do Portal da Transparência, abaixo:

Norte Serviços Médicos LTDA recebeu mais de R$ 1 milhão em 2020 (crédito: Reprodução)

 

O serviço de limpeza e conservação do hospital custa, ao todo pouco mais de R$ 706 mil, por atuar de dezembro de 2019 até maio de 2020 (crédito: Reprodução Portal da Transparência)

 

Serviço de limpeza e conservação no SPA vai custar um total de R$ 1.022.227,41 e só falta quitar pouco mais de R$ 26 para chegar a esse valor (crédito: Reprodução Portal da Transparência).

 

 

Postagens relacionadas

Vânia Marinho toma posse como nova desembargadora do Tribunal de Justiça do Amazonas

Danilo Andrade

Vídeos: passageiros fecham parte do T3 após ônibus sofrer pane mecânica

Danilo Andrade

T1 deve ser inaugurado, na próxima segunda-feira (17)

Danilo Andrade
error: Content is protected !!