Amazonas

Amazonas recebe 10 mil doses da CoronaVac para pesquisa

O Governo do Amazonas recebeu, na manhã desta quarta-feira (17), no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, 10 mil doses da vacina CoronaVac, para uso na pesquisa CovacManaus, que é um estudo de antecipação da vacinação. A pesquisa irá abranger pessoas entre 18 e 49 anos, com e sem comorbidades. Participarão profissionais das áreas de educação e segurança pública lotados em Manaus.

Sobre a importância da pesquisa para o Amazonas, o secretário Marcellus Campêlo, titular da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), esclarece que o estudo ajudará na identificação do impacto da antecipação da aplicação da vacina em pessoas com comorbidades na prevenção das formas graves da doença, em Manaus, onde predomina a variante P.1 do vírus.

Sendo um dos condutores da pesquisa, o médico infectologista da FMT-HVD e especialista em saúde pública da Fiocruz, Marcus Lacerda, esclarece que o estudo conta com a participação de pesquisadores da FMT-HVD e da Universidade do Estado do Amazonas (UEA). Conforme Lacerda, a vacinação dos profissionais será realizada nas dependências da Escola Normal Superior, da UEA.

Parâmetros

Ao longo da pesquisa, as pessoas com comorbidade receberão as duas doses da vacina. Já as que não apresentam comorbidades receberão acompanhamento periódico com avaliação clínica e exames sorológicos.

Critérios de participação

Podem participar do estudo servidores efetivos da UEA, da Secretaria de Estado de Educação e Desporto e da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), Polícias Civil e Militar, Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AM) e Corpo de Bombeiros Militar, com idades entre 18 e 49 anos, que atuam em Manaus.

Postagens relacionadas

Ex-secretária de Wilson Lima denuncia perseguição após deixar cargo

Danilo Andrade

CGJ autoriza realização de casamentos civis presenciais em edifícios privados

Danilo Andrade

Deputado pede fim do recesso na Aleam devido ao caos na saúde do AM

Danilo Andrade
error: Content is protected !!