Bastidores

Marcelo Ramos não confirma candidatura à presidência da Câmara, mas também não nega

Cogitado pelos próprios colegas de parlamento como um dos possíveis nomes para a sucessão do atual presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), o deputado federal Marcelo Ramos (PL) não confirma – nem nega – que haja interesse ou mobilização para o pleito, que ocorre apenas em 2021.

Para o parlamentar, adiantar publicamente qualquer ação neste sentido pode contaminar o ambiente político da Câmara e dificultar a aprovação de medidas necessárias ao país, especialmente no período pós-pandemia. Marcelo Ramos admite, contudo, que muitos deputados de diferentes estados do país têm sugerido o nome dele como um eventual nome forte para a candidatura.

“É muito cedo pra adiantar qualquer processo sobre a sucessão do presidente Rodrigo Maia. Mas fico feliz que vários colegas deputados de vários Estados da Federação cogitem meu nome como um dos nomes possíveis para a sucessão, até pelo diálogo que tenho com todos os setores da Câmara dos Deputados”, afirmou o parlamentar.

Amigo de todos

O deputado afirma que mantém diálogo permanente com todos os setores da Câmara, incluindo a base governista, os partidos do centro e parlamentares da oposição, o que tem facilitado o trânsito de debates sobre projetos em andamento no plenário.

“Dialogo com a bancada de esquerda, mesmo com os governistas, com o centro, até por ter sido responsável por temas importantes da Casa e ter conseguido entregar sem muitos projetos sem conflitos. Mas acho que a hora é de ter prudência. Adiantar o processo eleitoral significa criar um ambiente ruim quando a gente precisa no pós-pandemia aprovar as medidas que o país precisa. Então, nós vamos conversando, dialogando, mas com muita prudência e não antecipando o processo”, afirmou.

Publicações relacionadas
Bastidores

PSB larga David Almeida, ignora Zé Ricardo e vai para o barco de Omar

Bastidores

Após passar mal, governador Wilson Lima tem alta e se recupera em casa

Bastidores

Segundo Veja, novas delações vão tirar o sossego de Wilson Lima

Bastidores

Impeachment pode voltar à pauta da Aleam pós Operação Sangria

Inscreva-se em nossa Newsletter e receba as novidades diretamente em seu e-mail!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *